terça-feira, 7 de março de 2017

Mulheres de 10 municípios do Paraná farão protestos no dia 8 de março

Mobilizações têm como tema principal a luta contra as reformas da previdência e trabalhista.


Por Ednubia Ghisi

O Dia Internacional da Mulher, 8 de março, promete ser de mobilizações em todas as regiões do Paraná. A reportagem do Brasil de Fato levantou pelo menos 10 atos marcados para a data. As ações estão previstas para ocorrer em Curitiba, Ponta Grossa, Irati, Guarapuava, Paranaguá, Foz do Iguaçu, Cascavel, Londrina, Maringá, além de um ato conjunto entre União da Vitória (PR) e Porto União (SC).

Assim como em outros estados brasileiros, as mobilizações têm como tema principal a luta contra as reformas proposta pelo governo de Michel Temer (PMDB), em especial a da Previdência e a trabalhista, ambas em tramitação no Congresso Federal. As ações também cobram o fim da violência contra as mulheres.

Confira mais informações sobre os atos em cada cidade:

Curitiba e Região Metropolitana

A mobilização começa às 15h, com Sarau Voz do Ventre e oficinas, na Praça Santos Andrade, Centro da cidade. O ato principal está marcado para o mesmo local, a partir das 17h, com o tema “Nenhuma mulher a menos, nenhum direito a menos”. Diferentes movimentos e coletivos de mulheres têm se reunido para organizar a ação. Há previsão de caminhada e encerramento às 21h, na Boca Maldita, com shows e apresentações artísticas.

Guarapuava

As ações estão marcadas para o dia 8, na Praça 9 de dezembro, a partir das 16 horas, e dia 12, na Praça Cleve, a partir das 9 horas, com a “Pedalada pelo fim da violência contra as mulheres”.

Paranaguá

Para a região litorânea do estado tem mobilização marcada em Paranaguá, na Praça dos Leões, às 18 horas. Estão previstas oficina de cartazes, batucada, roda de conversa e apresentações artísticas.

Foz do Iguaçu

No outro extremo do estado, em Foz do Iguaçu, está marcada uma panfletagem na Ponte da Amizade, no período da manhã, e um ato entre 16 horas e 19 horas, com concentração no Terminal de Transporte Urbano Pedro Antônio de Nadai.

Irati

Com o mote “Nenhum direito a menos“, as ações começam às 12 horas, na Rua Dr. Munhoz da Rocha, com panfletagem e apitaço. Entre 13 horas e 17 horas, estão previstos debates, apresentações artísticas e orientações às mulheres. O dia de mobilizações deve terminar com uma marcha, a partir das 17 horas.

Cascavel e região

A marcha pretende reunir outros municípios da região, entre 11h30 e 13h30, com concentração na Praça Wilson Joffre, Rua Sete de Setembro. A ação é fruto de articulação ampla entre movimentos e sindicatos. Mais de 10 entidades e movimentos participam da mobilização.

Maringá

A marcha será na Praça Napoleão Moreira Da Silva, das 16h às 20h30, com o mote "#MulheresJuntasPorVidaELiberdade!". Estão previstas intervenções culturais como Batalha de MC's e a apresentação do grupo Pé de Laranjeiras.

Londrina e região

Na região Norte, Londrina receberá um ato regional no período da manhã, com concentração no calçadão central, na Avenida Paraná, para panfletagem e diálogo com a população. O mesmo local será ponto de início de uma marcha, às 17 horas. A previsão é de que a caminhada siga até às 20 horas.  

Ponta Grossa

A concentração para a marcha será na Campus Central da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), na rua Cel. Bitencourt, 689, Centro. O destino da caminhada será a Praça Barão de Guaraúna.

União da Vitória (PR) e Porto União (SC)

Caminhada será conjunta entre os dois municípios, com concentração na Praça Coronel Amazonas, localizada na rua Dário Antônio Bordin, Centro de União da Vitória, às 9 horas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...