APRESENTADO A COMARCA PARA O MUNDO E O MUNDO PARA A COMARCA

TEMOS O APOIO DE INFOMANIA SOLUÇÕES EM INFORMÁTICA Fones 9986 1218 - 3432 1208 - AUTO-MECÂNICA IDEAL FONE 3432-1791 - 9916-5789 - 9853-1862 - JOALHERIA OURO BRANCO 44 9839-3200 - NOVA ÓTICA Fone (44) 3432 -2305 Cel (44) 8817- 4769 Av. Londrina, 935 - Nova Londrina/PR - VOCÊ É BONITA? VENHA SER A PRÓXIMA BELA DA SEMANA - Já passaram por aqui: PAOLA ALVES - MORGANA VIOLIM - MAIQUELE VITALINO - BRENDA PIVA - ESTEFANNY CUSTÓDIO - ELENI FERREIRA - GIOVANA lIMA - GIOVANA NICOLINI - EVELLIN MARIA - LOHAINNE GONÇALVES - FRANCIELE ALMEIDA - LOANA XAVIER - GABRIELA CRUZ- KARINA SPOTTI - TÂNIA OLIVEIRA - RENATA LETÍCIA - TALITA FERNANDA - JADE CAROLINA - TAYNÁ MEDEIROS - BEATRIZ FONTES - LETYCIA MEDEIROS - MARYANA FREITAS - THAYLA BUGADÃO NAVARRO - LETÍCIA MENEGUETTI - STEFANI ALVES - CINDEL LIBERATO - RAFA-REIS - BEATRYZ PECINI - IZABELLY PECINI - THAIS BARBOSA - MICHELE CECCATTO - JOICE MARIANO - LOREN ZAGATI - GISELE BERNUSSO - RAFAELA RAYSSA - LUUH XAVIER - SARAH CRISTINA - YANNA LEAL - LAURA ARAÚJO TROIAN - GIOVANNA MONTEIRO DA SILVA - PRISCILLA MARTINS RIL - GABRIELLA MENEGUETTI JASPER - MARIA HELLOISA VIDAL SAMPAIO - HELOÍSA MONTE - DAYARA GEOVANA - ADRIANA SANTOS - EDILAINE VAZ - THAYS FERNANDA - CAMILA COSTA - JULIANA BONFIM - MILENA LIMA - DYOVANA PEREZ - JULIANA SOUZA - JESSICA BORÉGIO - JHENIFER GARBELINI - DAYARA CALHEIROS - ALINE PEREIRA - ISABELA AGUIRRE - ANDRÉIA PEREIRA - MILLA RUAS - MARIA FERNANDA COCULO - FRANCIELLE OLIVEIRA - DEBORA RIBAS - CIRLENE BARBERO - BIA SLAVIERO - SYNTHIA GEHRING - JULIANE VIEIRA - DUDA MARTINS - GISELI RUAS - DÉBORA BÁLICO - JUUH XAVIER - POLLY SANTOS - BRUNA MODESTO - GIOVANA LIMA - VICTÓRIA RONCHI - THANYA SILVEIRA - ALÉKSIA LAUREN - DHENISY BARBOSA - POLIANA SENSON - LAURA TRIZZ - FRANCIELLY CORDEIRO - LUANA NAVARRO - RHAYRA RODRIGUES - LARISSA PASCHOALLETO - ALLANA BEATRIZ - WANDERLÉIA TEIXEIRA CAMPOS - BRUNA DONATO - VERÔNICA FREITAS - SIBELY MARTELLO - MARCELA PIMENTEL - SILVIA COSTA - JHENIFER TRIZE - LETÍCIA CARLA -FERNANDA MORETTI - DANIELA SILVA - NATY MARTINS - NAYARA RODRIGUES - STEPHANY CALDEIRA - VITÓRIA CEZERINO - TAMIRES FONTES - ARIANE ROSSIN - ARIANNY PATRICIA - SIMONE RAIANE - ALÉXIA ALENCAR - VANESSA SOUZA - DAYANI CRISTINA - TAYNARA VIANNA - PRISCILA GEIZA - PATRÍCIA BUENO - ISABELA ROMAN - RARYSSA EVARISTO - MILEIDE MARTINS - RENATHA SOLOVIOFF - BEATRIZ DOURADO - NATALIA LISBOA - ADRIANA DIAS - SOLANGE FREITAS - LUANA RIBEIRO - YARA ROCHA - IDAMARA IASKIO - CAMILA XAVIER - BIA VIEIRA - JESSICA RODRIGUES - AMANDA GABRIELLI - BARBARA OLIVEIRA - VITORIA NERES - JAQUE SANTOS - KATIA LIMA - ARIELA LIMA - MARIA FERNANDA FRANCISQUETI - LARA E LARISSA RAVÃ MATARUCO - THATY ALVES - RAFAELA VICENTIN - ESTELLA CHIAMULERA - KATHY LOPES - LETICIA CAVALCANTE PISCITELI - VANUSA SANTOS - ROSIANE BARILLE - NATHÁLIA SORRILHA - LILA LOPES - PRISCILA LUKA - SAMARA ALVES - JANIELLY BOTA - ELAINE LEITE CAVALCANTE - INGRID ZAMPOLLO - DEBORA MANGANELLI - MARYHANNE MAZZOTTI - ROSANI GUEDES - JOICE RUMACHELLA - DAIANA DELVECHIO - KAREN GONGORA - FERNANDA HENRIQUE - KAROLAYNE NEVES TOMAS - KAHENA CHIAMULERA - MACLAINE SILVÉRIO BRANDÃO - IRENE MARY - GABRIELLA AZEVEDO - LUANA TALARICO - LARISSA TALARICO - ISA MARIANO - LEIDIANE CARDOSO - TAMIRES MONÇÃO - ALANA ISABEL - THALIA COSTA - ISABELLA PATRICIO - VICTHORIA AMARAL - BRUNA LIMA - ROSIANE SANTOS - LUANA STEINER - SIMONE OLIVEIRA CUSTÓDIO - MARIELLE DE SÁ - GISLAINE REGINA - DÉBORA ALMEIDA - KIMBERLY SANTOS - ISADORA BORGHI - JULIANA GESLIN - BRUNA SOARES - POLIANA PAZ BALIEIRO - GABRIELA ALVES - MAYME SLAVIERO - GABRIELA GEHRING - LUANA ANTUNES - KETELEN DAIANA - PAOLLA NOGUEIRA - POLIANY FERREIRA DOS ANOS - LUANA DE MORAES - EDILAINE TORRES - DANIELI SCOTTA - JORDANA HADDAD - WINY GONSALVES - THAÍSLA NEVES - ÉRICA LIMA CABRAL - ALEXIA BECKER - RAFAELA MANGANELLI - CAROL LUCENA - KLAU PALAGANO - ELISANDRA TORRES - WALLINA MAIA - JOYCE SAMARA - BIANCA GARCIA - SUELEN CAROLINE - DANIELLE MANGANELLI - FERNANDA HARUE - YARA ALMEIDA - MAYARA FREITAS - PRISCILLA PALMA - LAHOANA MOARAES - FHYAMA REIS - KAMILA PASQUINI - SANDY RIBEIRO - MAPHOLE MENENGOLO - TAYNARA GABELINI - DEBORA MARRETA - JESSICA LAIANE - BEATRIS LOUREIRO - RAFA GEHRING - JOCASTA THAIS - AMANDA BIA - VIVIAN BUBLITZ - THAIS BOITO - SAMIA LOPES - BRUNA PALMA - ALINE MILLER - CLEMER COSTA - LUIZA DANIARA – ANA CLAUDIA PICHITELLI – CAMILA BISSONI – ERICA SANTANA - KAROL SOARES - NATALIA CECOTE - MAYARA DOURADO - LUANA COSTA - ANA LUIZA VEIT - CRIS LAZARINI - LARISSA SORRILHA - ROBERTA CARMO - IULY MOTA - KAMILA ALVES - LOISLENE CRISTINA - THAIS THAINÁ - PAMELA LOPES - ISABELI ROSINSKI - GABRIELA SLAVIERO - LIARA CAIRES - FLÁVIA OLIVEIRA - GRAZI MOREIRA - JESSICA SABRINNI - RENATA SILVA -SABRINA SCHERER - AMANDA NATALIÊ - JESSICA LAVRATE - ANA PAULA WESTERKAMP- RENATA DANIELI - GISELLY RUIZ - ENDIARA RIZZO - *DAIANY E DHENISY BARBOSA - KETLY MILLENA - MICHELLE ENUMO - ISADORA GIMENES - GABRIELA DARIENSO - MILENA PILEGI - TAMIRES ONISHI - EVELIN FEROLDI - ELISANGELA SILVA - PAULA FONTANA CAVAZIM - ANNE DAL PRÁ - POLLIANA OGIBOWISKI - CAMILA MELLO - PATRICIA LAURENTINO - FLOR CAPELOSSI - TAMIRES PICCOLI - KATIELLY DA MATTA - BIANCA DONATO - CATIELE XAVIER - JACKELINE MARQUES - CAROL MAZZOTTI - DANDHARA JORDANA - BRENDA GREGÓRIO - DUDA LOPES - MILENA GUILHEN - MAYARA GREGÓRIO - BRUNA BOITO - BETHÂNIA PEREIRA - ARIELLI SCARPINI - CAROL VAZ - GISELY TIEMY -THAIS BISSONI - MARIANA OLIVEIRA - GABRIELA BOITO - LEYLLA NASCIMENTO - JULIANA LUCENA- KRISTAL ZILIO - RAFAELA HERRERA - THAYANA CRISTINA VAZ - TATIANE MONGELESKI - NAYARA KIMURA - HEGILLY CORREIA MIILLER - FRANCIELI DE SANTI - PAULA MARUCHI FÁVERO - THAÍS CAROLINY - IASMIM PAIVA - ALYNE SLAVIERO - ISABELLA MELQUÍADE - ISABELA PICOLLI - AMANDA MENDES - LARISSA RAYRA - FERNANDA BOITO - EMILLY IZA - BIA MAZZOTTI - LETICIA PAIVA - PAOLA SLAVIERO - DAIANA PISCITELLE - ANGELINA BOITO - TALITA SANTOS Estamos ha 6 anos no ar - Mais de 700 acessos por dia, mais de um milhão de visualizações - http://mateusbrandodesouza.blogspot.com.br/- Obrigado por estar aqui, continue com a gente

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Miguel Tranin - Setor sucroalcooleiro busca apoio para sair do vermelho

O presidente reeleito da ALCOPAR (Associação dos Produtores de Bioenergia do Estado do Paraná) e vice-presidente da FIEP (Federação das Indústrias do Estado do Paraná) Miguel  Rubens Tranin, em entrevista ao Diário do Noroeste falou sobre a crise no setor sucroalcooleiro e as expectativas para os próximos meses. Falou também de mercado internacional para o produto brasileiro e de alternativas para que o etanol volte a ser competitivo no mercado interno, o que deve beneficiar os consumidores. Segue a entrevista do Sr. Miguel Tranin que também atua em diversos conselhos governamentais envolvidos no desenvolvimento do setor no Paraná e em todo o país.  

Tranin: Nos últimos seis anos mais de 80 indústrias fecharam no país, e outras 60 estão em recuperação judicial

DN: O Sr. foi reeleito presidente dos Sindicatos que compõem o setor sucroalcooleiro e bioeletricidade no Paraná, qual a expectativa para os próximos anos no setor?

Tranin: O cenário para os próximos anos é muito bom, os estoques mundiais de açúcar estão baixos e os efeitos climáticos estão dificultando as safras tanto no Brasil quanto nos países concorrentes, portanto deveremos ter uma recuperação nos preços internacionais do açúcar. Com relação ao etanol, o consumo no Brasil, tem aumentado a cada ano. O Brasil também assumiu na
COP-21, compromisso com uma matriz energética cada vez mais limpa e o etanol já ajuda e pode ajudar muito mais nisso.

DN: Quais os efeitos que os baixos preços do barril de petróleo causam na produção e comercialização do etanol brasileiro?

Tranin: O preço do petróleo interfere sim em nosso produto, embora o governo brasileiro anterior, não acompanhava a flutuação do preço internacional do petróleo, onde um grande período acabou subsidiando a gasolina. Os preços de petróleo estão recuperando, isso ajuda. Porém a tendência mundial por combustíveis renováveis é cada vez maior, beneficiando o etanol.

DN: Sabemos que o Sr. é conselheiro em várias entidades governamentais para o setor sucroalcooleiro, como o governo tem agido para auxiliar o setor que vem passando por dificuldades financeiras?

Tranin: O governo ajudou no aumento da mistura e disponibilidade de crédito. Por outro lado o congelamento do preço da gasolina, dificultou muito, pois nesse período tivemos um grande aumento em nosso custo de produção e o alto endividamento praticamente impossibilitou o acesso a crédito. Houve também baixos investimentos em infraestrutura logística que eleva também os custos. No Paraná tivemos ainda adversidades climáticas que prejudicaram ainda mais.

DN: Grandes grupos, que há poucos anos eram tidos com referência no setor, têm fechado unidades e promovido demissões de trabalhadores. Qual expectativa para os próximos meses?

Tranin:  No cenário atual, praticamente todos os setores estão passando por uma reestruturação, buscando redução de custo e maior eficiência, isso ocasiona demissões. Nosso Setor tem uma flutuação anual em função da entressafra, porém estamos em início de safra, nesse período já não ocorrem demissões.

DN: A previsão para a safra 2016/2017 na região Centro/Sul deve ser igual ou menor que a safra 2015/2016, quais os fatores que levaram a essa estagnação no setor nessa safra?

Tranin: A estimativa da safra Centro/Sul é de 610 a 630 milhões de toneladas, aumento de 6% em relação à anterior. O que está complicando esse ano é o clima, em especial a ocorrência do fenômeno "El Niño", no ano passado em nossa região tivemos em outubro o maior volume de chuva dos últimos 40 anos. Estamos em um ano chuvoso, isso dificulta muito as estimativas. O maior peso na estagnação do setor é sem dúvida a dificuldade financeira que o setor chegou, somado a variação cambial, imobilizou investimentos e renovação nos canaviais.

DN: A geração de bioeletricidade a partir do bagaço e resíduos das usinas já é uma realidade em algumas unidades do estado, e tem se mostrado uma saída economicamente viável nesse momento, por que só agora algumas usinas estão investindo na geração de energia?

Tranin: A cogeração de energia por matrizes limpas é uma realidade mundial. Mas para isso são necessários investimentos, limitando alguns. Será necessário também que tenhamos previsibilidade, com realização de leilões específicos por matriz, o governo tem que estar nesse plano. No Paraná fizemos um levantamento do potencial de cogeração a partir da biomassa em nossas indústrias. Podemos chegar a 3GW (três gigawatts) de energia. Isso seria suficiente para atender a demanda de Maringá e Curitiba juntas. Ou seja, há um grande potencial, adormecido nas indústrias.

DN: A que ponto chegou o endividamento das usinas e quais as alternativas para reverter essa situação? 

Tranin: Nos últimos seis anos mais de 80 indústrias fecharam no país, e outras 60 estão em recuperação judicial, nas indústrias de base (que fabricam e recuperam os equipamentos), mais de cem mil postos de trabalho perdidos, levando pequenos municípios, onde estão localizadas as dificuldades socioeconômicas. Buscamos junto ao governo, um trabalho que pudesse envolver agentes financeiros estatais e privados, na intenção de uma carência e rolagem das dívidas, nos faltou apoio.

DN: Nesses anos a frente das entidades que representam o setor o Sr. poderia citar algumas conquistas importantes?

Tranin: Foram desenvolvidas parcerias, com: UFPR (Universidade Federal do Paraná ) no melhoramento genético da cana de açúcar, melhoria em produtividade, resistência à seca, resistência a doenças e adaptação da colheita mecanizada, como também novas técnicas de plantio. Nessa linha de melhoramento, parceria com empresas multinacionais. Nessa área muitas palestras e cursos. Também com a Embrapa. Com o Estado, em projetos logísticos e tributários. No Porto de Paranaguá nos terminais de açúcar e etanol. Na área de meio ambiente excelente trabalho com IAP, na conquista do decreto agroambiental que disciplina a redução gradativa da despalha (queima) da cana de açúcar. Com a COPEL, conquista de protocolo de 18 projetos de Cogeração no Operador Nacional do Sistema e criação da Copel Comercializadora, permitindo contratação e ou leilões de energia, bem como participação societária. Ótima parceria com a FAEP, em cursos, treinamentos e projetos de situação e futuros do Setor. Parceria com FIEP em treinamentos e projetos. Grande aproximação da entidade com autoridades Estaduais e Federais


DN: O governo do Paraná há alguns anos em parceria com setor vem desenvolvendo o programa "Caminhos do Desenvolvimento", o programa tem cumprido seu propósito de auxiliar o setor? 

Tranin: Projeto pioneiro no país, foi uma grande conquista que permitiu um grande projeto logístico para a cana, particularmente do campo à indústria, envolvendo IAP, DER e SEIL. Foram realizadas várias obras de melhoria. Devido à situação econômica do Setor e do Estado não avançou o projeto. Não temos dúvida que será modelo futuro para a atividade, diante da caótica situação logística atual.

DN: O preço do etanol na bomba dos postos está deixando de ser competitivo em relação aos valores da gasolina. Como reverter essa situação e voltar a deixar o etanol novamente vantajoso para o consumidor? 

Tranin: O preço da gasolina deve acompanhar, como em todo mundo, os preços internacionais. O etanol, traz não só benefícios ambientais bem como para a saúde, pois emite 80% menos poluentes que a gasolina. A exemplo de outros países, uma tributação sobre a gasolina, no modelo CIDE, permitiria um diferencial de preço aos que optarem pelo uso do etanol, tributo que gera recurso aos estados e união, extremamente necessário no momento. Ajuste dos motores flex ao etanol, aumentando sua eficiência.  Definição da Matriz Energética no País (o quanto num plano de médio e longo prazo o governo quer de participação do etanol combustível) para que se dê previsibilidade aos investimentos e seja possível atender aos compromissos do Brasil na COP-21 (Protocolo de Paris). Essas seriam iniciativas indutoras ao investimento e retomada ao crescimento

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...