APRESENTADO A COMARCA PARA O MUNDO E O MUNDO PARA A COMARCA

TEMOS O APOIO DE INFOMANIA SOLUÇÕES EM INFORMÁTICA Fones 9986 1218 - 3432 1208 - AUTO-MECÂNICA IDEAL FONE 3432-1791 - 9916-5789 - 9853-1862 - JOALHERIA OURO BRANCO 44 9839-3200 - NOVA ÓTICA Fone (44) 3432 -2305 Cel (44) 8817- 4769 Av. Londrina, 935 - Nova Londrina/PR - VOCÊ É BONITA? VENHA SER A PRÓXIMA BELA DA SEMANA - Já passaram por aqui: ESTEFANNY CUSTÓDIO - ELENI FERREIRA - GIOVANA lIMA - GIOVANA NICOLINI - EVELLIN MARIA - LOHAINNE GONÇALVES - FRANCIELE ALMEIDA - LOANA XAVIER - GABRIELA CRUZ- KARINA SPOTTI - TÂNIA OLIVEIRA - RENATA LETÍCIA - TALITA FERNANDA - JADE CAROLINA - TAYNÁ MEDEIROS - BEATRIZ FONTES - LETYCIA MEDEIROS - MARYANA FREITAS - THAYLA BUGADÃO NAVARRO - LETÍCIA MENEGUETTI - STEFANI ALVES - CINDEL LIBERATO - RAFA-REIS - BEATRYZ PECINI - IZABELLY PECINI - THAIS BARBOSA - MICHELE CECCATTO - JOICE MARIANO - LOREN ZAGATI - GISELE BERNUSSO - RAFAELA RAYSSA - LUUH XAVIER - SARAH CRISTINA - YANNA LEAL - LAURA ARAÚJO TROIAN - GIOVANNA MONTEIRO DA SILVA - PRISCILLA MARTINS RIL - GABRIELLA MENEGUETTI JASPER - MARIA HELLOISA VIDAL SAMPAIO - HELOÍSA MONTE - DAYARA GEOVANA - ADRIANA SANTOS - EDILAINE VAZ - THAYS FERNANDA - CAMILA COSTA - JULIANA BONFIM - MILENA LIMA - DYOVANA PEREZ - JULIANA SOUZA - JESSICA BORÉGIO - JHENIFER GARBELINI - DAYARA CALHEIROS - ALINE PEREIRA - ISABELA AGUIRRE - ANDRÉIA PEREIRA - MILLA RUAS - MARIA FERNANDA COCULO - FRANCIELLE OLIVEIRA - DEBORA RIBAS - CIRLENE BARBERO - BIA SLAVIERO - SYNTHIA GEHRING - JULIANE VIEIRA - DUDA MARTINS - GISELI RUAS - DÉBORA BÁLICO - JUUH XAVIER - POLLY SANTOS - BRUNA MODESTO - GIOVANA LIMA - VICTÓRIA RONCHI - THANYA SILVEIRA - ALÉKSIA LAUREN - DHENISY BARBOSA - POLIANA SENSON - LAURA TRIZZ - FRANCIELLY CORDEIRO - LUANA NAVARRO - RHAYRA RODRIGUES - LARISSA PASCHOALLETO - ALLANA BEATRIZ - WANDERLÉIA TEIXEIRA CAMPOS - BRUNA DONATO - VERÔNICA FREITAS - SIBELY MARTELLO - MARCELA PIMENTEL - SILVIA COSTA - JHENIFER TRIZE - LETÍCIA CARLA -FERNANDA MORETTI - DANIELA SILVA - NATY MARTINS - NAYARA RODRIGUES - STEPHANY CALDEIRA - VITÓRIA CEZERINO - TAMIRES FONTES - ARIANE ROSSIN - ARIANNY PATRICIA - SIMONE RAIANE - ALÉXIA ALENCAR - VANESSA SOUZA - DAYANI CRISTINA - TAYNARA VIANNA - PRISCILA GEIZA - PATRÍCIA BUENO - ISABELA ROMAN - RARYSSA EVARISTO - MILEIDE MARTINS - RENATHA SOLOVIOFF - BEATRIZ DOURADO - NATALIA LISBOA - ADRIANA DIAS - SOLANGE FREITAS - LUANA RIBEIRO - YARA ROCHA - IDAMARA IASKIO - CAMILA XAVIER - BIA VIEIRA - JESSICA RODRIGUES - AMANDA GABRIELLI - BARBARA OLIVEIRA - VITORIA NERES - JAQUE SANTOS - KATIA LIMA - ARIELA LIMA - MARIA FERNANDA FRANCISQUETI - LARA E LARISSA RAVÃ MATARUCO - THATY ALVES - RAFAELA VICENTIN - ESTELLA CHIAMULERA - KATHY LOPES - LETICIA CAVALCANTE PISCITELI - VANUSA SANTOS - ROSIANE BARILLE - NATHÁLIA SORRILHA - LILA LOPES - PRISCILA LUKA - SAMARA ALVES - JANIELLY BOTA - ELAINE LEITE CAVALCANTE - INGRID ZAMPOLLO - DEBORA MANGANELLI - MARYHANNE MAZZOTTI - ROSANI GUEDES - JOICE RUMACHELLA - DAIANA DELVECHIO - KAREN GONGORA - FERNANDA HENRIQUE - KAROLAYNE NEVES TOMAS - KAHENA CHIAMULERA - MACLAINE SILVÉRIO BRANDÃO - IRENE MARY - GABRIELLA AZEVEDO - LUANA TALARICO - LARISSA TALARICO - ISA MARIANO - LEIDIANE CARDOSO - TAMIRES MONÇÃO - ALANA ISABEL - THALIA COSTA - ISABELLA PATRICIO - VICTHORIA AMARAL - BRUNA LIMA - ROSIANE SANTOS - LUANA STEINER - SIMONE OLIVEIRA CUSTÓDIO - MARIELLE DE SÁ - GISLAINE REGINA - DÉBORA ALMEIDA - KIMBERLY SANTOS - ISADORA BORGHI - JULIANA GESLIN - BRUNA SOARES - POLIANA PAZ BALIEIRO - GABRIELA ALVES - MAYME SLAVIERO - GABRIELA GEHRING - LUANA ANTUNES - KETELEN DAIANA - PAOLLA NOGUEIRA - POLIANY FERREIRA DOS ANOS - LUANA DE MORAES - EDILAINE TORRES - DANIELI SCOTTA - JORDANA HADDAD - WINY GONSALVES - THAÍSLA NEVES - ÉRICA LIMA CABRAL - ALEXIA BECKER - RAFAELA MANGANELLI - CAROL LUCENA - KLAU PALAGANO - ELISANDRA TORRES - WALLINA MAIA - JOYCE SAMARA - BIANCA GARCIA - SUELEN CAROLINE - DANIELLE MANGANELLI - FERNANDA HARUE - YARA ALMEIDA - MAYARA FREITAS - PRISCILLA PALMA - LAHOANA MOARAES - FHYAMA REIS - KAMILA PASQUINI - SANDY RIBEIRO - MAPHOLE MENENGOLO - TAYNARA GABELINI - DEBORA MARRETA - JESSICA LAIANE - BEATRIS LOUREIRO - RAFA GEHRING - JOCASTA THAIS - AMANDA BIA - VIVIAN BUBLITZ - THAIS BOITO - SAMIA LOPES - BRUNA PALMA - ALINE MILLER - CLEMER COSTA - LUIZA DANIARA – ANA CLAUDIA PICHITELLI – CAMILA BISSONI – ERICA SANTANA - KAROL SOARES - NATALIA CECOTE - MAYARA DOURADO - LUANA COSTA - ANA LUIZA VEIT - CRIS LAZARINI - LARISSA SORRILHA - ROBERTA CARMO - IULY MOTA - KAMILA ALVES - LOISLENE CRISTINA - THAIS THAINÁ - PAMELA LOPES - ISABELI ROSINSKI - GABRIELA SLAVIERO - LIARA CAIRES - FLÁVIA OLIVEIRA - GRAZI MOREIRA - JESSICA SABRINNI - RENATA SILVA -SABRINA SCHERER - AMANDA NATALIÊ - JESSICA LAVRATE - ANA PAULA WESTERKAMP- RENATA DANIELI - GISELLY RUIZ - ENDIARA RIZZO - *DAIANY E DHENISY BARBOSA - KETLY MILLENA - MICHELLE ENUMO - ISADORA GIMENES - GABRIELA DARIENSO - MILENA PILEGI - TAMIRES ONISHI - EVELIN FEROLDI - ELISANGELA SILVA - PAULA FONTANA CAVAZIM - ANNE DAL PRÁ - POLLIANA OGIBOWISKI - CAMILA MELLO - PATRICIA LAURENTINO - FLOR CAPELOSSI - TAMIRES PICCOLI - KATIELLY DA MATTA - BIANCA DONATO - CATIELE XAVIER - JACKELINE MARQUES - CAROL MAZZOTTI - DANDHARA JORDANA - BRENDA GREGÓRIO - DUDA LOPES - MILENA GUILHEN - MAYARA GREGÓRIO - BRUNA BOITO - BETHÂNIA PEREIRA - ARIELLI SCARPINI - CAROL VAZ - GISELY TIEMY -THAIS BISSONI - MARIANA OLIVEIRA - GABRIELA BOITO - LEYLLA NASCIMENTO - JULIANA LUCENA- KRISTAL ZILIO - RAFAELA HERRERA - THAYANA CRISTINA VAZ - TATIANE MONGELESKI - NAYARA KIMURA - HEGILLY CORREIA MIILLER - FRANCIELI DE SANTI - PAULA MARUCHI FÁVERO - THAÍS CAROLINY - IASMIM PAIVA - ALYNE SLAVIERO - ISABELLA MELQUÍADE - ISABELA PICOLLI - AMANDA MENDES - LARISSA RAYRA - FERNANDA BOITO - EMILLY IZA - BIA MAZZOTTI - LETICIA PAIVA - PAOLA SLAVIERO - DAIANA PISCITELLE - ANGELINA BOITO - TALITA SANTOS Estamos ha 6 anos no ar - Mais de 700 acessos por dia, mais de um milhão de visualizações - http://mateusbrandodesouza.blogspot.com.br/- Obrigado por estar aqui, continue com a gente

quarta-feira, 27 de julho de 2016

A um mês do julgamento, Dilma não consegue mostrar força


"Dilma Rousseff tem um coringa na manga:a decisão do Ministério Público Federal que, ao analisar seis tipos de pedaladas fiscais, não viu motivo para impeachment nos atos da presidente eleita, contrariando o Tribunal de Contas da União e os autores do processo contra a petista. Apesar disso, desde que foi afastada pelo Senado, Dilma não criou sequer um fato político que tenha lhe favorecido publicamente a ponte de mudar a opinião dos senadores indecidos.

A equipe da petista tem semeado na imprensa que a estratégia é atuar com discrição para evitar que os senadores contrários ao impeachment sejam assediados pelo time de Michel Temer. Mas há quem, além de detectar a falta de força demonstrada por Dilma, também levante a hipótese de que ela já desistiu da disputa do poder, assim como o PT também prefere sair como mártir nessa história toda".

Por Jean-Philip Struck

A contagem regressiva para o julgamento final da presidente afastada Dilma Rousseff começou nesta segunda-feira (25/07). Segundo cálculos do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), os trâmites para a fase final do processo devem começar no dia 25 de agosto e durar cerca de três a cinco dias.

Até lá, o termômetro para verificar se Dilma conseguiu reunir mais apoio será a votação da pronúncia, prevista para 9 de agosto. Em maio, a presidente afastada conseguiu 22 votos a favor entre os 81 senadores. No julgamento decisivo, precisará de 28 votos ou ausências para voltar ao cargo. Aliados da presidente avaliam que, se durante a pronúncia, o número de votos a favor não aumentar significativamente, a defesa vai ter passado um atestado de fracasso.

Numa matemática simples, Dilma parece ter um cenário favorável: basta ela conseguir mais seis votos ou ausências entre os senadores. Levantamentos da imprensa brasileira indicam apenas 38 senadores favoráveis ao afastamento definitivo. Vinte e cinco não indicaram posição ou declararam estar indecisos. Já o grupo do presidente interino Michel Temer precisa de 54 votos para permanecer de vez no poder.

Nos argumentos para o julgamento, a defesa de Dilma marcou alguns pontos nas últimas semanas. No início de julho, o Ministério Público Federal concluiu que não houve crime comum nas chamadas "pedaladas fiscais" envolvendo empréstimos do BNDES – embora tenha atestado que elas configuram delito de improbidade administrativa. Já uma perícia realizada pela comissão do impeachment não detectou ação direta de Dilma nas pedaladas.

Ainda que a defesa tenha ganhado argumentos mais robustos, alguns senadores avaliam que, nos quase dois meses de afastamento, Dilma não criou fatos políticos que demonstrassem força. Ao contrário do que ocorreu pouco antes da votação na Câmara, seu grupo político ainda não reverteu nenhum voto de peso e anunciou o fato publicamente. Apenas Cristovam Buarque (PPS-DF), que havia votado a favor do afastamento temporário, tem aparecido entre os senadores que podem mudar de lado.

O grupo da presidente também se mostra na defensiva. Neste domingo, Dilma divulgou nota afirmando "que não pretende jogar a toalha" e negou mais uma vez que pretende renunciar. A nota foi uma resposta a reportagens que citaram aliados não identificados que teriam dito que um clima de desânimo tomou conta do núcleo da presidente afastada.

Nos últimos dias, Dilma também se viu obrigada a comentar as declarações de João Santana, seu ex-marqueteiro, que admitiu ter recebido pagamento por meio de caixa 2 durante a campanha da petista à Presidência em 2010.

Já o grupo de Temer trabalha no momento para reunir pelo menos 54 votos na pronúncia com o objetivo de antecipar uma tendência para o julgamento. Para atrair os senadores ainda indecisos, o Planalto tem usado a força da caneta. O senador Romário (PSB-RJ), por exemplo, que vinha se declarando indeciso, emplacou no fim de semana um aliado em uma diretoria de Furnas, e agora é computado pelo grupo de Temer como voto certo pelo impeachment. Já o senador Otto Alencar (PSD-BA), que votou contra a admissibilidade do impeachment, agora aparece entre os que não declaram voto. Nas projeções otimistas do grupo de Temer, o impeachment deve passar com pelo menos 60 votos.

O analista Gaspard Estrada, da Sciences Po, de Paris. afirma que "do jeito que as coisas caminham, a tendência é que Temer seja mesmo confirmado de vez na Presidência". Ele concorda que Dilma não tem conseguido criar fatos favoráveis, mas adverte que ainda é cedo para uma afirmação definitiva. "Temer ainda tem fissuras em sua base e é um presidente mais popular em Brasília do que no Brasil. E existe sempre a possibilidade de que surjam novas revelações e escândalos que podem tornar o cenário novamente imprevisível."

Via - Jornal GGN



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...