APRESENTADO A COMARCA PARA O MUNDO E O MUNDO PARA A COMARCA

TEMOS O APOIO DE INFOMANIA SOLUÇÕES EM INFORMÁTICA Fones 9986 1218 - 3432 1208 - AUTO-MECÂNICA IDEAL FONE 3432-1791 - 9916-5789 - 9853-1862 - JOALHERIA OURO BRANCO 44 9839-3200 - NOVA ÓTICA Fone (44) 3432 -2305 Cel (44) 8817- 4769 Av. Londrina, 935 - Nova Londrina/PR - VOCÊ É BONITA? VENHA SER A PRÓXIMA BELA DA SEMANA - Já passaram por aqui: ARYY SILVA - ARIANE SILVA - MAYARA TEIXEIRA - MAYARA TAKATA - PAOLA ALVES - MORGANA VIOLIM - MAIQUELE VITALINO - BRENDA PIVA - ESTEFANNY CUSTÓDIO - ELENI FERREIRA - GIOVANA lIMA - GIOVANA NICOLINI - EVELLIN MARIA - LOHAINNE GONÇALVES - FRANCIELE ALMEIDA - LOANA XAVIER - GABRIELA CRUZ- KARINA SPOTTI - TÂNIA OLIVEIRA - RENATA LETÍCIA - TALITA FERNANDA - JADE CAROLINA - TAYNÁ MEDEIROS - BEATRIZ FONTES - LETYCIA MEDEIROS - MARYANA FREITAS - THAYLA BUGADÃO NAVARRO - LETÍCIA MENEGUETTI - STEFANI ALVES - CINDEL LIBERATO - RAFA-REIS - BEATRYZ PECINI - IZABELLY PECINI - THAIS BARBOSA - MICHELE CECCATTO - JOICE MARIANO - LOREN ZAGATI - GISELE BERNUSSO - RAFAELA RAYSSA - LUUH XAVIER - SARAH CRISTINA - YANNA LEAL - LAURA ARAÚJO TROIAN - GIOVANNA MONTEIRO DA SILVA - PRISCILLA MARTINS RIL - GABRIELLA MENEGUETTI JASPER - MARIA HELLOISA VIDAL SAMPAIO - HELOÍSA MONTE - DAYARA GEOVANA - ADRIANA SANTOS - EDILAINE VAZ - THAYS FERNANDA - CAMILA COSTA - JULIANA BONFIM - MILENA LIMA - DYOVANA PEREZ - JULIANA SOUZA - JESSICA BORÉGIO - JHENIFER GARBELINI - DAYARA CALHEIROS - ALINE PEREIRA - ISABELA AGUIRRE - ANDRÉIA PEREIRA - MILLA RUAS - MARIA FERNANDA COCULO - FRANCIELLE OLIVEIRA - DEBORA RIBAS - CIRLENE BARBERO - BIA SLAVIERO - SYNTHIA GEHRING - JULIANE VIEIRA - DUDA MARTINS - GISELI RUAS - DÉBORA BÁLICO - JUUH XAVIER - POLLY SANTOS - BRUNA MODESTO - GIOVANA LIMA - VICTÓRIA RONCHI - THANYA SILVEIRA - ALÉKSIA LAUREN - DHENISY BARBOSA - POLIANA SENSON - LAURA TRIZZ - FRANCIELLY CORDEIRO - LUANA NAVARRO - RHAYRA RODRIGUES - LARISSA PASCHOALLETO - ALLANA BEATRIZ - WANDERLÉIA TEIXEIRA CAMPOS - BRUNA DONATO - VERÔNICA FREITAS - SIBELY MARTELLO - MARCELA PIMENTEL - SILVIA COSTA - JHENIFER TRIZE - LETÍCIA CARLA -FERNANDA MORETTI - DANIELA SILVA - NATY MARTINS - NAYARA RODRIGUES - STEPHANY CALDEIRA - VITÓRIA CEZERINO - TAMIRES FONTES - ARIANE ROSSIN - ARIANNY PATRICIA - SIMONE RAIANE - ALÉXIA ALENCAR - VANESSA SOUZA - DAYANI CRISTINA - TAYNARA VIANNA - PRISCILA GEIZA - PATRÍCIA BUENO - ISABELA ROMAN - RARYSSA EVARISTO - MILEIDE MARTINS - RENATHA SOLOVIOFF - BEATRIZ DOURADO - NATALIA LISBOA - ADRIANA DIAS - SOLANGE FREITAS - LUANA RIBEIRO - YARA ROCHA - IDAMARA IASKIO - CAMILA XAVIER - BIA VIEIRA - JESSICA RODRIGUES - AMANDA GABRIELLI - BARBARA OLIVEIRA - VITORIA NERES - JAQUE SANTOS - KATIA LIMA - ARIELA LIMA - MARIA FERNANDA FRANCISQUETI - LARA E LARISSA RAVÃ MATARUCO - THATY ALVES - RAFAELA VICENTIN - ESTELLA CHIAMULERA - KATHY LOPES - LETICIA CAVALCANTE PISCITELI - VANUSA SANTOS - ROSIANE BARILLE - NATHÁLIA SORRILHA - LILA LOPES - PRISCILA LUKA - SAMARA ALVES - JANIELLY BOTA - ELAINE LEITE CAVALCANTE - INGRID ZAMPOLLO - DEBORA MANGANELLI - MARYHANNE MAZZOTTI - ROSANI GUEDES - JOICE RUMACHELLA - DAIANA DELVECHIO - KAREN GONGORA - FERNANDA HENRIQUE - KAROLAYNE NEVES TOMAS - KAHENA CHIAMULERA - MACLAINE SILVÉRIO BRANDÃO - IRENE MARY - GABRIELLA AZEVEDO - LUANA TALARICO - LARISSA TALARICO - ISA MARIANO - LEIDIANE CARDOSO - TAMIRES MONÇÃO - ALANA ISABEL - THALIA COSTA - ISABELLA PATRICIO - VICTHORIA AMARAL - BRUNA LIMA - ROSIANE SANTOS - LUANA STEINER - SIMONE OLIVEIRA CUSTÓDIO - MARIELLE DE SÁ - GISLAINE REGINA - DÉBORA ALMEIDA - KIMBERLY SANTOS - ISADORA BORGHI - JULIANA GESLIN - BRUNA SOARES - POLIANA PAZ BALIEIRO - GABRIELA ALVES - MAYME SLAVIERO - GABRIELA GEHRING - LUANA ANTUNES - KETELEN DAIANA - PAOLLA NOGUEIRA - POLIANY FERREIRA DOS ANOS - LUANA DE MORAES - EDILAINE TORRES - DANIELI SCOTTA - JORDANA HADDAD - WINY GONSALVES - THAÍSLA NEVES - ÉRICA LIMA CABRAL - ALEXIA BECKER - RAFAELA MANGANELLI - CAROL LUCENA - KLAU PALAGANO - ELISANDRA TORRES - WALLINA MAIA - JOYCE SAMARA - BIANCA GARCIA - SUELEN CAROLINE - DANIELLE MANGANELLI - FERNANDA HARUE - YARA ALMEIDA - MAYARA FREITAS - PRISCILLA PALMA - LAHOANA MOARAES - FHYAMA REIS - KAMILA PASQUINI - SANDY RIBEIRO - MAPHOLE MENENGOLO - TAYNARA GABELINI - DEBORA MARRETA - JESSICA LAIANE - BEATRIS LOUREIRO - RAFA GEHRING - JOCASTA THAIS - AMANDA BIA - VIVIAN BUBLITZ - THAIS BOITO - SAMIA LOPES - BRUNA PALMA - ALINE MILLER - CLEMER COSTA - LUIZA DANIARA – ANA CLAUDIA PICHITELLI – CAMILA BISSONI – ERICA SANTANA - KAROL SOARES - NATALIA CECOTE - MAYARA DOURADO - LUANA COSTA - ANA LUIZA VEIT - CRIS LAZARINI - LARISSA SORRILHA - ROBERTA CARMO - IULY MOTA - KAMILA ALVES - LOISLENE CRISTINA - THAIS THAINÁ - PAMELA LOPES - ISABELI ROSINSKI - GABRIELA SLAVIERO - LIARA CAIRES - FLÁVIA OLIVEIRA - GRAZI MOREIRA - JESSICA SABRINNI - RENATA SILVA -SABRINA SCHERER - AMANDA NATALIÊ - JESSICA LAVRATE - ANA PAULA WESTERKAMP- RENATA DANIELI - GISELLY RUIZ - ENDIARA RIZZO - *DAIANY E DHENISY BARBOSA - KETLY MILLENA - MICHELLE ENUMO - ISADORA GIMENES - GABRIELA DARIENSO - MILENA PILEGI - TAMIRES ONISHI - EVELIN FEROLDI - ELISANGELA SILVA - PAULA FONTANA CAVAZIM - ANNE DAL PRÁ - POLLIANA OGIBOWISKI - CAMILA MELLO - PATRICIA LAURENTINO - FLOR CAPELOSSI - TAMIRES PICCOLI - KATIELLY DA MATTA - BIANCA DONATO - CATIELE XAVIER - JACKELINE MARQUES - CAROL MAZZOTTI - DANDHARA JORDANA - BRENDA GREGÓRIO - DUDA LOPES - MILENA GUILHEN - MAYARA GREGÓRIO - BRUNA BOITO - BETHÂNIA PEREIRA - ARIELLI SCARPINI - CAROL VAZ - GISELY TIEMY -THAIS BISSONI - MARIANA OLIVEIRA - GABRIELA BOITO - LEYLLA NASCIMENTO - JULIANA LUCENA- KRISTAL ZILIO - RAFAELA HERRERA - THAYANA CRISTINA VAZ - TATIANE MONGELESKI - NAYARA KIMURA - HEGILLY CORREIA MIILLER - FRANCIELI DE SANTI - PAULA MARUCHI FÁVERO - THAÍS CAROLINY - IASMIM PAIVA - ALYNE SLAVIERO - ISABELLA MELQUÍADE - ISABELA PICOLLI - AMANDA MENDES - LARISSA RAYRA - FERNANDA BOITO - EMILLY IZA - BIA MAZZOTTI - LETICIA PAIVA - PAOLA SLAVIERO - DAIANA PISCITELLE - ANGELINA BOITO - TALITA SANTOS Estamos ha 6 anos no ar - Mais de 700 acessos por dia, mais de um milhão de visualizações - http://mateusbrandodesouza.blogspot.com.br/- Obrigado por estar aqui, continue com a gente

quinta-feira, 7 de julho de 2016

Heróis da América: Jaime Moreno, o boliviano que ensinou futebol aos EUA

Este texto faz parte da série Heróis da América, que aborda jogadores, treinadores e dirigentes que fizeram história nos países latino-americanos, mas que nem sempre são bem conhecidos por aqui.


Por *Diego Freire
Goleador desde cedo, Moreno foi convocado
para a primeira Copa América com 17 anos
Kaká, Villa, Lampard, Gerrard… E antes Henry, Beckham, Júlio César… Nomes de peso foram contratados para elevar o nível da Major League Soccer (MLS), cada vez mais importante no cenário futebolístico mundial. Jogadores brasileiros e europeus têm a “grife” almejada para elevar o patamar do torneio, mas eles não estão sozinhos na missão de convencer os Estados Unidos a pegar gosto pelo esporte. 

Na verdade, se apenas um país tivesse que receber os méritos por ensinar futebol aos americanos, um forte candidato seria a pouco tradicional Bolívia, terra natal de dois ídolos inesquecíveis: Marco “El Diablo” Etcheverry e Jaime Moreno.

O primeiro nome não causa tanta estranheza. Considerado um dos maiores jogadores boliviano de todos os tempos, Etcheverry está na memória brasileira como autor de um dos gols (e que frango, Taffarel!) na nossa primeira derrota em Eliminatórias, além de ter sido expulso na abertura da Copa de 1994 por chutar Lothar Matthaus. Mas e Jaime Moreno? Por aqui, o Moreno da Bolívia mais famoso é o Marcelo, campeão brasileiro com o Cruzeiro em 2014. Quase ninguém sabe que a mesma Santa Cruz de la Sierra produziu um atacante ainda mais bem-sucedido com o sobrenome igual (embora não haja parentesco entre os dois).

Apelidado “el pichón” (o “pombo”), Jaime Moreno Morales até hoje é um nome reverenciado na capital americana, Washington. Talvez, acima dele, só quem estiver ocupando a Casa Branca. Talvez…

Mas, antes de entender como um boliviano se tornou lenda nos Estados Unidos, falemos dos feitos do artilheiro defendendo o próprio país.

Moreno disputa bola com Taffarel na final da Copa América de 1997

A geração de ouro boliviana

Já tido como promessa nacional, Moreno jogou a Copa América de 1991 com 17 anos, apenas para ganhar experiência. No decorrer das temporadas conquistou seu espaço entre os veteranos e participou do maior feito da história de La Verde: a classificação para a Copa de 1994, derrotando não apenas o Brasil nas Eliminatórias, mas também o favorito Uruguai de Francescolli.

Quatro anos mais jovem, o “pichón” já despontava para se tornar o companheiro ideal de Etcheverry, transformando em gols os passes fantásticos do meia. Foi o “caçula” do elenco da Bolívia no Mundial dos Estados Unidos e atuou nas partidas contra Alemanha e Espanha.

Nos torneios seguintes conquistaria de vez um lugar no ataque da seleção, ao lado de Erwin Sanchez, que fez carreira no futebol português. Essa geração boliviana acima da média ainda teria novas glórias, como vencer os Estados Unidos na Copa América de 1995 e, jogando em casa, ser vice-campeã do mesmo torneio em 1997, superando Venezuela (1 x 0), Peru (2 x 0), Uruguai (1 x 0), Colômbia (2 x 1), México (3 x 1 ) e parando apenas no Brasil (derrota por 3 a 1 na final, dia do “vocês vão ter que me engolir“).

Um boliviano na Premier League?
Sim, isso já aconteceu
Em 1999, Moreno ainda jogou a única Copa das Confederações da história do seu país, com uma campanha digna (dois empates e uma derrota). Depois amargou anos sem convocações, até retornar, em 2007, como artilheiro da equipe na Copa América. Se despediu da seleção em 2008, em uma derrota por 2 a 0 diante de El Salvador.

Parceria com Juininho antes da Major League

Na infância, Jaime passou pela prestigiada Academia Tahuichi, mesmo CT que revelou outros nomes importantes da seleção boliviana, como o próprio Etcheverry e Joselito Vaca. Em 1991, estreou com a camisa do Blooming, que ajudou a ser terceiro colocado no campeonato nacional. Já uma estrela em seu país, foi vendido ao colombiano Independiente Santa Fé em 1994, mas atuou poucas vezes e foi negociado com o Middlesbrough, da Inglaterra, para ser companheiro do brasileiro Juninho Paulista.

Moreno e Etcheverry – Dupla fez história na seleção boliviana e na MLS
Com o status de primeiro boliviano a jogar na Premier League, não conseguiu nunca se firmar entre os titulares e marcou apenas uma vez em dois anos de contrato. A promissora carreira atravessava seu momento mais difícil quando, em 1996, uma transferência mudou para sempre seu rumo: o D.C. United, uma das franquias mais ambiciosas da recém-criada Major League Soccer, contratou Moreno para voltar a atuar ao lado do conterrâneo Marco Etcheverry.

Com Etcheverry, duas lendas do D.C.

Logo de cara, os bolivianos foram campeões nos Estados Unidos. No ano seguinte repetiram a conquista, e Moreno começou a despontar: foi artilheiro, além de receber o prêmio de melhor da temporada.

O sucesso foi tanto que o Middlesbrough o contratou novamente por empréstimo, apenas para que o atacante disputasse mais algumas partidas na Europa e retornasse rapidamente para Washington, a cidade onde se tornou rei. No final dos naos 90, na capital americana, era Bill Clinton mandando na Casa Branca e Jaime Moreno no RFK Stadium.

A artilharia se tornou constante, assim como a presença na seleção do campeonato e os títulos. Na primeira passagem, foram seis anos defendendo o D.C. United, entre 1996 e 2002, disputando 150 jogos e marcando 69 gols. Nesse período, o clube conquistou oito campeonatos (MLS Cup em 1996/97 e 99; MLS Supporter’s Shield  em 1997 e 1999; Lamar Hunt U.S. Open Cup em 1997; Liga dos Campeões da Concacaf em 1998; e Copa Interamericana, contra o Vasco, também em 1998).

A sina de sempre voltar a Washington

No final de 2002, por desentendimentos com o técnico Ray Hudson, o  ídolo boliviano se transferiu para o rival MetroStars (atual New York Red Bull). Mas a aventura durou apenas uma temporada e, em 2004, ele já estava de volta ao D.C., para imortalizar a camisa 99, jogar mais seis anos, entrar em campo mais 179 vezes e marcar outros 62 gols. Além, é claro, de erguer quatro troféus: a MLS Cup de 2004; a MLS Supporter’s Shield de 2006 e 2007; e a Lamar Hunt U.S. Open Cup de 2008).

Jaime na segunda divisão boliviana,
 com a camisa do Sport Boys Warnes
Uma carreira tão brilhante merecia terminar da mesma forma. Parecia que seria assim, quando, em seu último jogo pelo clube que defendeu por doze anos, Moreno fez um gol de pênalti contra o Toronto FC, um encerramento perfeito. Já com 36 anos, porém, o incansável atacante não se deu por satisfeito e optou por entrar no Draft para voltar à MLS atuando em qualquer outro time. Apesar de todo seu prestígio e história, o “pichón” não foi selecionado e se viu forçado parar.

Mesmo aposentado, o pombo andino nunca abandonou o esporte. Disputou torneios de golfe no país natal e, em 2013, assinou com o pequeno Sport Boys Warnes para jogar algumas partidas na segunda divisão boliviana. Paralelamente, como não podia deixar de ser, ele segue construindo seu legado em Washington: o homem que ensinou futebol aos americanos dentro de campo, agora faz isso do lado de fora, treinando a categoria Sub-23 do D.C. United.


*Diego Freire - Já escreveu profissionalmente sobre esportes para os portais Virgula e Terra, mas mudou de área e hoje mata as saudades do futebol colaborando com o UD. Tentou (sem sucesso) criar uma torcida do Linense na Austrália e teve a honra de escrever sobre Copa do Nordeste enquanto acontecia a Copa do Mundo 2010.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...